carrinha Entregas gratuitas em compras a partir de 60€

Käthe Kruse




No Natal de 1905, Maria, a filha de Käthe Kruse, pediu uma boneca como presente de Natal. Ela queria por uma boneca que pudesse abraçar e abraçar e cuidar. Uma boneca como um bebé de verdade.

O pai foi a todas as lojas de Berlim e apenas encontrou bonecas de porcelana rígidas e frias. Ele pensou que tais bonecas nunca poderiam despertar sentimentos maternais na sua filha e disse a Käthe Kruse para criar uma boneca. Pegou uma toalha macia, encheu-a de areia e finalmente colocou uma batata como cabeça. A primeira boneca nasceu! Maria instantaneamente apaixonou-se por ela. Mas depois de alguns dias a areia começou a sair e a batata desenvolveu um cheiro muito desagradável.

Inspirada pelo amor da sua filha pela primeira boneca, Käthe Kruse decidiu desenvolver as suas capacidades e continuou a criar bonecas para todos os seus filhos.

As bonecas representavam tudo o que o novo movimento de educação progressista representava. As bonecas não pareciam pequenos adultos mas apenas crianças. Não eram modelos para crianças, mas amigos iguais para as crianças. Os adultos adoravam as bonecas pela sua simplicidade e por as crianças se identificarem com elas.

Descubra toda a nossa oferta de brinquedos e jogos Käthe Kruse.

Sucessos e dificuldades

A sua primeira encomenda foi para a FAO Schwarz de Nova Iorque. O sucesso das suas bonecas foi enorme por todo o mundo. De tal forma que começaram a ser copiadas, situação que se acabou por se resolver quando em 1925 ganha o primeiro processo legal de direitos de autor sobre um brinquedo.

Durante a 2ª guerra mundial, teve que mudar por várias vezes a localização da sua fábrica e a marca manteve-se na família de Käthe Kruse até 1990. Nesse ano foi vendida a um investidor que tinha brincado com as suas bonecas e que sonhava enquanto criança ser o dono da fábrica das bonecas. Os novos proprietários geriram a marca de acordo com o lema de Käthe Kruse: “Com a tradição nos nossos corações, movemo-nos para o futuro”.

Em 2013 ano em que se comemorou 125º aniversário no nascimento da sua fundadoura a marca foi novamente vendida a uma multinacional do brinquedo a Hape Holding AG (Hape).

Em 2016 foi galardoada na Alemanha com o prémio “Marca do Século”.

A filosofia da Käthe Kruse

A filosofia da marca Käthe Kruse está assente nos seguintes princípios:

  • Qualidade dos produtos e da produção
  • Confiança, qualidade e segurança
  • Autenticidade
  • Desenvolvimento de produtos adequados a cada idade
  • Design único
  • Atenção ao cliente
  • Elevado padrão social e consciência ambiental

Para mais informações sobre a Käthe Kruse visite o site aqui.