carrinha Entregas gratuitas em compras a partir de 60€

7 Benefícios dos Puzzles para Crianças

Companhia dos Brinquedos | 28 Setembro, 2018

Tradicionalmente olhamos para os puzzles apenas como um conjunto de peças que tem de ser encaixadas numa determinada ordem. Em madeira, cartão ou espuma o objectivo é criar uma imagem (Puzzles 2D) ou um objecto (Puzzles 3D). Mas os puzzles para crianças são muito mais do que isso!

Para além de uma grande fonte de entretenimento, e daí as crianças gostarem tanto de os fazer, são também peças chave no desenvolvimento infantil. Com resultados reconhecidos quer no desempenho e nas aprendizagens quer no próprio trabalho de competências. Os puzzles para crianças fazem parte dos brinquedos fundamentais na infância. É por isso que nas salas de aula do pré-escolar há sempre, ou deveria haver, uma grande quantidade de puzzles.

Mas uma vez terminado o ciclo pré-escolar os puzzles desaparecem completamente das salas de aula, sendo substituídos por outras formas de entretenimento e/ou aprendizagem. Ainda assim, mantendo para sempre todas as suas virtudes.

Nos últimos anos, os puzzles para crianças têm progressivamente vindo a ser negligenciados em resultado do acesso cada vez mais facilitado aos telefones e aos tablets. Muitas vezes os pais consideram que fazer um puzzle num equipamento eletrónico é exatamente igual a fazer um puzzle físico, o que não é de todo verdade.

Estes são 7 Benefícios dos Puzzles para Crianças:

1)  Melhoria da coordenação mão-olho

A coordenação olho-mão pode definir-se como a habilidade que nos permite realizar atividades nas quais utilizamos ao mesmo tempo os olhos e as mãos. Utilizamos os olhos para focar a atenção e as mãos para realizar a tarefa. A coordenação olho-mão é uma habilidade cognitiva, que guia os movimentos da mão de acordo com os estímulos visuais. O desenvolvimento da coordenação mão-olho é especialmente importante para o desenvolvimento normal da criança e para a aprendizagem escolar.

Quando uma criança tenta encaixar, remover ou virar uma peça de um puzzle para encontrar o lugar certo da mesma, está a aprender e a desenvolver a coordenação mão-olho. A capacidade de coordenar o que os olhos vêem, o que o cérebro interpreta e o que as mãos fazem. Isto exige muita prática, e os puzzles são uma maneira divertida de desenvolver essa habilidade.

No futuro esta habilidade servirá para aprender a escrever e desenhar, bem como fazer desporto ou aprender um instrumento musical. Na verdade quase todas as actividades da nossa vida diária requerem esta coordenação, por isso é importante estimulá-la e melhorá-la

2) Melhora as habilidades emocionais

Daniel Goleman, uma das maiores autoridades em inteligência emocional define-a como “… a capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos.”

Ao longo do processo de fazer um puzzle a criança aprende e desenvolve competências como por exemplo persistência, paciência e concentração, sempre que o tenta resolver, escolhendo e encaixando as peças corretamente.  Quando conclui o puzzle, há uma imediata recompensa dessa aprendizagem. Esta recompensa vai aumentar a sua independência e auto-estima pela sensação de realização com o objectivo atingido.

No futuro, os chamados softskills, onde as habilidades emocionais têm um papel fundamental, serão decisivos na obtenção dos melhores empregos. Além disso, quanto melhor se conhecerem mais preparados para a vida estarão.

3) Desenvolve as habilidades motoras finas

As habilidades motoras finas são habilidades físicas que envolvem músculos pequenos e coordenação olho-mão.

Os mais pequenos precisam fortalecer os músculos dos dedos para que possam segurar e agarrar coisas. Quando fazem puzzles para crianças o movimento dos dedos para agarrar as peças e colocá-las no lugar certo fará com que treinem esta habilidade.

O resultado mais visível deste treino é a aprendizagem e desenvolvimento das habilidades de caligrafia. Esta habilidade é pouco desenvolvida quando as crianças fazem puzzles digitais, pois para o encaixe da peça apenas utilizam um dedo e não a totalidade da mão para pegar numa peça tridimensional.

4) Facilita a interação social

Tal como referido anteriormente, em todas as salas de aula do pré-escolar existem inúmeros puzzles para crianças.  Uma das razões é que os puzzles estimulam as crianças a trabalhar em cooperação com o objetivo de o completar. Para isso é necessário que as crianças desenvolvam um plano para resolver puzzle e isso só acontece se comunicarem entre eles.

De igual forma quando as crianças fazem puzzles, em casa com os pais ou irmãos, é habitual que vão dando indicações do que estão a fazer. Ou de que peças estão a procura para avançar mais um pouco.

Fazer um puzzle pode ser uma atividade solitária, mas a verdade é que quando não o é, as crianças tendem a interagir com os outros. Não só sobre a actividade em si mas também sobre outros assuntos.

Segundo Lev Vygotsky desenvolvimento intelectual das crianças ocorre em função das interações sociais. Daí a importância dos pais terem tempo exclusivo com as crianças para desenvolver as interacções sociais ao longo da vida.

5) Aprefeiçoa o pensamento abstrato

Podemos dizer que o pensamento abstrato é a utilização de diferentes níveis de abstração para perceber os problemas e solucioná-los, passo a passo. Os puzzles são para as crianças isto mesmo.

Permitem que as crianças usem diferentes habilidades de raciocínio, abstração e imaginação. Assim, de maneiras diferentes, vão encontrar as peças e coloca-las no sitio certo. Vão também descobrir uma peça especifica que precisam a seguir, seja um canto, uma peça de cor vermelha ou uma peça com um determinado recorte.

O pensamento abstrato irá proporcionar à criança no futuro, uma maior capacidade de aprendizagem e de memorização. Além disso ajuda a melhorar os processos de criatividade, tal como quando fazem puzzles que já fizeram anteriormente.

6) Ajuda na solução de problemas

Os puzzles para crianças são jogos em que não nos podemos enganar. As peças do puzzle ou encaixam ou não e não há alternativa possível. E é assim em qualquer tipo de puzzle, mesmo nos mais simples.

Fazer um puzzle significa cumprir um objetivo. Para isso é necessário pensar, criar estratégias, falhar, voltar a tentar e finalmente alcançar o sucesso. Tal como nos puzzles, também na resolução de problemas do dia-a-dia, esta é a sequência que nos envolve diariamente.

A prática desta capacidade pela criança tem como resultado a transferência das aprendizagens para o seu dia-a-dia. Permitindo-lhe assim estar preparado para as situações que se lhe vão apresentar ao longo da sua vida.

7) Aumenta o vocabulário

Genericamente a aprendizagem da fala ocorre nos dois primeiros anos de vida. E desenvolve-se até aos 5 anos, altura em que a criança já poderá expressar-se de uma forma mais direta e clara.

Os puzzles para crianças ajudam desde cedo ao desenvolvimento da linguagem e ao processo de aquisição do vocabulário. Por um lado quando uma criança, ao fazer um puzzle, pede uma determinada peça, frequentemente descreve o que está à procura, por exemplo, uma peça quadrada com um cavalo. Por outro, quando o tema do puzzle é animais, números, formas, veículos ou cores, vai ajudar e incentivar à fala e à aplicação das palavras corretas que os identificam. Há inclusivamente marcas que nas caixas colocam perguntas sobre o puzzle, que se podem fazer às crianças. O objectivo? Desenvolver o vocabulário e a fala.

A utilização de puzzles para o desenvolvimento da fala e do vocabulário pode ser mais uma ajuda para a deteção de eventuais perturbações na linguagem das crianças e da sua resolução em conjunto com um técnico de saúde.

 

No próximo artigo do blog da Companhia dos Brinquedos vamos voltar a falar sobre puzzles e mostrar o que de melhor há em puzzles para o desenvolvimento destas capacidades.

Ler mais
Partilhe:
Outros Artigos
Porquê ler livros a crianças?
Já todos sabemos que é importante as crianças receberem livros de presente. Mas ainda mais importante é que os leiam, se já tiverem idade para isso, sozinhos ou para a família ou em alternativa,...
Baby Signs – Já ouviu falar?
  Já pensaram como seria poder entender os bebés? Aquele choro que nos faz doer o coração por não o conseguirmos calar? Ou como seria útil reconhecer imediatamente o desconforto dos beb...
De Pais para Pais 4 Novembro, 2018
Dormir na mudança de hora
  Uma noite bem dormida não é apenas muito importante para nós adultos, também o é para as crianças. É durante o sono que eles processam o que viram, experimentaram, aprenderam e vivera...